A África do Sul como você nunca viu antes

Explore Novos Caminhos...

Aventure-se no Safari

Do jeito, no tempo e como você quiser!

Atrações

CONHEÇA MELHOR A PROVÍNCIA DE MPUMALANGA

As opções de turismo dessa província são tão diversas quanto sua paisagem. Uma das apostas da capital sul-africana do safári é o famoso Kruger National Park (o maior parque da África do Sul) e os "big five". Mas Mpumalanga tem muito mais a oferecer: é uma província fascinante, que se orgulha do rico centro cultural, onde os visitantes podem conhecer o afável espírito africano. Há também florestas e rios de águas cristalinas para pesca de truta por toda parte, sem esquecer dos esportes de aventuras, como subidas em rochas, mergulho e outras emocionantes atividades esportivas.

PRINCIPAIS ATRAÇÕES DA PROVÍNCIA:

:: O KRUGER NATIONAL PARK

Uma das principais atrações turísticas de Mpumalanga, o Parque Nacional do Kruger se destaca entre os maiores patrimônios históricos e culturais da África do Sul. Bem equipado para oferecer safáris para se avistar os "big five", o parque possui muitas opções de acomodação, que vão dos melhores lodges de safári do mundo a áreas de acampamentos bem acessíveis.
O parque abriga cerca de 140 espécies de mamíferos e mais de 500 espécies de pássaros, além de uma grande variedade de anfíbios e répteis. Paraíso da flora e da fauna, esse enorme santuário é ponto obrigatório a ser visto por todo visitante da África do Sul.
Para mais informações, visite www.krugerpark.co.za

:: OS MELHORES GAME LODGES DO MUNDO

Há, nas proximidades do Parque Nacional do Kruger, vários lodges de safári em reservas privadas. O Sabi Sands é a sede de alguns dos melhores alojamentos do tipo game lodges do mundo. Os game lodges são conhecidos por sua exclusividade e por suas acomodações de qualidade superior, com arquitetura no estilo rústico-chique, em madeira e vidro, totalmente integrada à natureza. Os safáris particulares são conduzidos por guias qualificados em veículos abertos, os chamados "rangers". Nos lodges, é dada atenção a todos os detalhes, pode-se contar com serviços personalizados e você prova da verdadeira experiência "Out of Africa". Tudo com muito conforto.

:: A PRIMEIRA CAPITAL FLY-FISHING DA ÁFRICA DO SUL

Conhecida como o local perfeito para aficionados do fly-fishing, Dullstroom (e seus arredores) oferece excelentes acomodações, de hotéis cinco estrelas a modestos estabelecimentos do tipo bed and breakfast. A beleza estonteante do lugar com seus vários lagos faz de Dullstroom um lugar excelente para descansar no fim de semana. Espalham-se pela região vários pubs e restaurantes típicos.
Para mais informações, visite www.dullstroom.co.za

:: PARA OS EXPLORADORES DE OURO

Uma boa opção é reviver os dias da corrida do ouro na África do Sul. A pequena cidade de Pilgrim’s Rest proporciona ao visitante um retorno ao passado sul-africano, com museus temáticos, prédios restaurados e o Hotel Royal, inspirado na época vitoriana. A região recebe muitos turistas estrangeiros e locais, e está bem equipada para atendê-los, pois conta com restaurantes, bares e acomodações a preços razoáveis.

:: AS MELHORES PANQUECAS DE TODA A ÁFRICA

Perto de Pilgrim’s Rest, está Graskop, uma vibrante comunidade artística com muitas oportunidades de compras. O lugar é famoso por sua cachoeira e pela lanchonete Harrie’s Pancake Shop, que fica nas proximidades do Parque Nacional do Kruger e serve uma deliciosa panqueca. É tradição dar uma parada no local, no caminho para Blyde River Canyon, por todos os seus atrativos.

:: CINTURÃO VERDE

O cinturão verde de Sabie é uma ótima opção para quem quer explorar o escarpamento de Mpumalanga. Localizado na parte central da região das florestas, possui excelentes lodges e estabelecimentos do tipo bed and breakfast. Apesar de o ritmo em Sabie ser bastante tranqüilo, há várias atividades para quem procura aventuras: mountain biking, trilhas a cavalo ou a pé e rafting. Para aqueles que apreciam pássaros, é um lugar relaxante que fortifica a alma.
Para mais informações, visite www.sabie.co.za

:: PAISAGENS PARADISÍACAS

O Blyde River Canyon oferece uma das paisagens mais impressionantes da África do Sul. Esse desfiladeiro colossal é famoso pelas vistas que oferece, já que tem pontos em que se avista uma imensidão de canyons, chamados de "janelas para o mundo".
Visitantes com suas câmeras ficam extasiados diante da famosa God’s Window (Janela de Deus, de onde é possível ter uma vista lindíssima de toda a savana), do Bourke’s Luck Potholes e do Three Rondavels. Esses pontos oferecem panoramas de tirar o fôlego. Mas é preciso um dia bem aberto para se apreciar a paisagem.
Mac-Mac Falls e Lisbon Falls estão entre cachoeiras favoritas para visitar em Mpumalanga.

:: ARTE E CULTURA

Conhecer a cultura Shangaan no famoso Shangana Cultural Village, perto de Hazyview, oferece ao visitante a oportunidade de interagir com o povo local e de saborear a deliciosa cozinha típica. Outras opções são o vilarejo de Nyani Shangaan Cultural e o de Matsulu Village – um típico Ndebele Village.
Para mais informações, visite Error! Hyperlink reference not valid.

:: DE CARRO POR MPUMALANGA

Na província, há excelentes estradas e oportunidades para quem optar por fazer seu próprio itinerário, dirigindo pela região. Pelas três estradas principais de Mpumalanga, pode-se chegar a vários destinos, e não faltam bons hotéis e lodges. Mas é importante lembrar que na África do Sul se dirige na mão inglesa – do lado contrário ao do Brasil. Recomenda-se, para quem procura um lugar específico - como uma game reserve privada ou o Mpumalanga Parks Board -, fazer uma reserva antes, evitando dessa forma não encontrar lugar nos hotéis.

:: AS TRÊS ESTRADAS PRINCIPAIS QUE CORTAM A PROVÍNCIA DE MPUMALANGA SÃO:

- A N4, indo de oeste a leste, de Pretória para Witbank, e através de Nelspruit e de Komatipoort, na fronteira com Moçambique.

- A R40, indo do sul para o norte, de Barberton para Hazyview, pela Nelspruit e White River e através de Phalaborwa na Northern Province.

- A N11, que entra na província ao sul de Volksrust, indo até o norte, para Ermelo, Middelburg e por Groblersdal no extremo norte da província.